Equipamentos

Payback - Como calcular o tempo necessário para recuperar o investimento

Comprar um equipamento é sempre uma decisão ponderada que leva o seu tempo.

 

Nós compreendemos, existem muitos fatores a considerar, marca, produção, custos manutenção, etc.

 

Quando a decisão é consumada, então é importante refletir sobre o prazo médio de recuperação do capital investido, ou seja, o Payback do equipamento.



PAYBACK - COMO CALCULAR O TEMPO NECESSÁRIO PARA RECUPERAR O INVESTIMENTO



Neste artigo, vamos procurar explicar a fórmula de cálculo deste importante KPI ( Key Performance Indicator) da forma mais simples possível.

 

PAYBACK = INVESTIMENTO INICIAL / GANHO NO PERÍODO

 

O termo Payback, significa “retorno” sendo um indicador de performance financeiro, muito utilizada nas empresas para análise do prazo de retorno do investimento em um projeto.

 

Podemos dizer que o PayBack é o tempo de retorno do investimento inicial até o momento no qual o ganho acumulado se iguala ao valor deste investimento.

 

Normalmente este período é medido em meses ou anos.

 

COMO CALCULAR PAYBACK

 

Para calcular o Payback necessitamos do valor de investimento a dizer pelos ganhos gerados.

 

Payback= INVESTIMENTO INICIAL  /  LUCRO GERADO

 

Neste caso, já sabemos o valor de compra do equipamento, bem como o lucro que cada alinhamento gera.

 

Vamos então descobrir quantos alinhamentos necessitamos para pagar o investimento.

 

20.000 € / 11,55€ = 1.731 alinhamentos

 

Depois de encontrarmos o número de alinhamentos necessários, precisamos agora de dividir esse valor pela capacidade de produção instalada nesse equipamento.

 

Se considerarmos que capacidade de produção instalada de uma máquina de alinhamento é de 440 alinhamentos mensais, ou seja, 5.280 alinhamentos anuais

 

1.731 alinhamentos /  5.280 anuais = 3,3 meses

 

Desta forma, chegamos à conclusão que precisamos de apenas 3,3 meses para recuperar o investimento realizado numa máquina de alinhamento de direções.

 

Menos do que imaginava certo? Os investimentos são necessários para elevar a sua oficina e manter-se a par dos seus concorrentes.

 

Esperamos assim ter contribuído com informação relevante que permita fazer uma gestão mais efetiva da sua oficina.

VOLTAR